Seja notificado de novas mensagens. Ativar notificações da área de trabalho.

Liga Acadêmica de Cardiologia (LACARDIO)

Curso de Medicina | Cardiologia , Cirurgia Cardiovascular 
UFCG (Campina Grande-PB)
voltar

Dra. Simone Louise Savaris

Médica | Especialização em Cardiologia 
CRM-40463

Acad. Diana .

Acadêmico de Medicina - UFCG (Campina Grande-PB)
118 visualizações - 07/09/2020
3 minutos de Leitura

Setembro Vermelho: Cuide do seu coração!

Posição da Imagem:
Foto 1: Imagem disponível em: <https://poupafarma.com.br/setembro-vermelho/>.

O QUE É O SETEMBRO VERMELHO?

O Setembro Vermelho é uma campanha que busca levar conhecimento sobre as doenças cardiovasculares (CV) para a população, alertando sobre os principais fatores de risco e quais hábitos devemos ter para uma vida mais saudável e para reduzir o risco de apresentar eventos cardiovasculares.

E POR QUÊ SETEMBRO?                                                                                                                                                         Escolheu-se este mês porque é nele que se comemora o Dia Mundial do Coração (29/09).

 

VOCÊ SABIA?

As doenças cardíacas são a principal causa de morte no Brasil e no mundo.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), em 2017, foram 383.961 óbitos no país:               uma morte a cada 90 segundos. 

E, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), as doenças do coração são responsáveis pela morte de 17,5 milhões de pessoas no mundo todos os anos.

 

As doenças cardiovasculares causam o dobro de mortes comparado a todos os tipos de câncer juntos; três vezes mais que todas as causas externas (acidentes e violência) e que as doenças respiratórias e seis vezes mais que todas as infecções, incluindo a AIDS.

 

FOCO EM HÁBITOS DE VIDA

A prevenção é o melhor caminho para evitar o aparecimento de doenças cardiovasculares mas, para isso, é necessário que as pessoas tenham conhecimento sobre quais são os fatores associados ao aumento do risco, quais as doenças cardíacas que podem desenvolver e qual a importância dos hábitos alimentares, da atividade física e de um estilo de vida saudável.

 

Veja agora, 6 principais fatores de risco para as doenças cardiovasculares:

 

1- DROGAS E ÁLCOOL

(O uso em excesso provoca um efeitos adversos no sistema cardiovascular, que podem causar aumento da pressão arterial, arritmias, infarto e até a morte).

2- TABAGISMO

(O cigarro é inimigo de vários órgãos e sistemas, mas principalmente do coração. O fumante tem o dobro de risco de ter um ataque cardíaco – infarto – do que quem não fuma).

3- DIABETES MELLITUS:

(Esta doença aumenta em 40-50% o risco de doenças cardiovasculares, como infarto. É importantíssimo um controle adequado dos níveis glicêmicos e a alimentação com restrição de carboidratos tem papel central neste aspecto!)

4- OBESIDADE

(A obesidade é sim uma doença e deve ser tratada como tal. Está associada ao aumento do risco cardiovascular, além de piorar a capacidade funcional e a tolerância aos esforços físicos).

5- ESTRESSE

(Como muitas pessoas dizem por aí...é “O Mal do Século”. Cada vez mais as pessoas tem níveis de estresse elevados, tanto relacionados ao trabalho quanto à sua vida pessoal, e devemos ficar atentos porque o estresse faz com que nosso corpo libere altos níveis de adrenalina e cortisol, causando danos à circulação sanguínea, aumentando a pressão arterial e a frequência cardíaca e, por consequência, aumentando o risco de doenças do coração.)

6- HIPERTENSÃO ARTERIAL

(A hipertensão arterial é sabidamente um fator de risco para infarto, AVC e insuficiência cardíaca. E, vale lembrar, na maior parte dos casos, as pessoas com pressão alta não tem sintoma algum! Por isso é importante acompanhamento médico regular, para identificação precoce e tratamento de doenças que muitas vezes podem não manifestar sintomas no início).

 

REFERÊNCIA:

Instituto lado a lado pela vida, 2020. Disponível em:

<https://www.ladoaladopelavida.org.br/detalhe-noticia-setembro-vermelho/setembro-vermelho-alerta-para-as-doencas-do-coracao>. Acesso em 5 de setembro de 2020.

 

 

Palavras-chave:

  • SETEMBRO VERMELHO
  • CARDIOLOGIA
  • FATOR DE RISCO
  • DOENÇAS CARDÍACAS E CARDIOVASCULARES
  • CORAÇÃO

Qual sua avaliação para o texto acima?